A embalagem pode reduzir as perdas globais de alimentos

As Nações Unidas estimam que mais de mil milhões de toneladas de alimentos se perdem todos os anos. Este indicador pode ser significativamente reduzido com embalagem adequada, afirma a Federação Europeia dos Fabricantes de Cartão Canelado (FEFCO).

No mundo industrializado, 40% dos alimentos são desperdiçados e deitados fora ao nível do retalho e do consumo, enquanto uma quantidade similar se perde nos países em vias de desenvolvimento durante as etapas de manipulação após colheita e processamento. A FEFCO está convencida de que a embalagem alimentar adequada pode contribuir para atacar este problema e reduzir o elevado impacte ambiental e financeiro deste nível de perdas.

Alguns podem encarar a embalagem como um factor de desperdício, mas a FEFCO afirma que essa visão está errada: usam-se muito mais recursos para criar produtos do que para os embalar. Por isso, o produto e a embalagem devem ser encarados conjuntamente e a protecção dos alimentos exige o nível apropriado de embalagem, e não simplesmente menos embalagem.

A secretária geral da FEFCO Angelika Christ, disse: "o downsizing da embalagem não faz sentido se em consequência disso ocorrem perdas. A embalagem deve ser optimizada de acordo com os requisitos de cada produto. Por vezes, o aumento da embalagem reduz consideravelmente o impacte ambiental".

A Vitacress (Portugal), um dos maiores produtores de saladas, procurou uma solução de embalagem em cartão canelado capaz de prolongar o tempo de vida útil e de reduzir as perdas de produto na distribuição. O resultado foi um tabuleiro de drenagem com gelo, colocado no topo da embalagem, deixando que a água, ao cair sobre as verduras, as mantenha frescas durante 48 horas.

A embalagem de cartão canelado também pode ser projectada especificamente para cada produto e mantê-lo seguro durante o transporte. Pode ser desenhada para ser fácil de abrir e movimentar sem danificar o produto. Existe flexibilidade para introduzir soluções por medida, rápidas e custo-eficientes.

A embalagem de cartão canelado desempenha um papel vital na cadeia de fornecimento: protege 75% dos produtos europeus durante o transporte e assegura a chegada dos alimentos aos consumidores de forma segura e da forma mais eficiente possível.

Na Alemanha, foi desenvolvido um cartão com propriedades de absorção do etileno, para retardar o amadurecimento (o etileno é um agente do processo de amadurecimento de vários frutos e vegetais).

A embalagem alimentar assegura a segurança alimentar (no duplo sentido da garantia de abastecimento e da segurança do consumidor), ao mesmo tempo que facilita a logística e a identificação dos produtos. A versatilidade do cartão canelado, a sua reciclabilidade a 100% e as qualidades protectoras fazem com que seja uma parte das medidas necessárias para resolver o problema das perdas de alimentos.

Anúncios