Indústria italiana de máquinas com indicadores de crescimento

De acordo com o apuramento realizado pela Ucima (associação do sector), a indústria italiana de máquinas de embalagem deverá ter fechado o ano de 2012 com uma facturação recorde de cerca de 4,4 mil milhões de euros, 1,6% acima de 2011, um ano que também registou excelentes resultados.
O sector confirma a sua posição como um dos mais dinâmicos da indústria italiana e um dos poucos que conserguiram melhorar o seu desempenho nos últimos doze meses. A principal contribuição vem das exportações, que representam agora 90% da facturação global. O valor estimado para as exportações de máquinas de embalagem italianas ronda os 4 mil milhões de euros, mais 2,7% que em 2011. As vendas internas totalizaram 415 milhões de euros, ,menos 7,8% que em 2011.
As previsões para 2013 são bem menos optimistas. Os dados preliminares apontam para uma redução de 13% das exportações para a Ásia, compensada com aumentos de 21,3% nas exportações para a América do Norte e 17,6% para a América do Sul. A Europa continua a ser o principal mercado, contribuindo com 35,4% do total (mais 9,6%).

Anúncios